fundo_CINEMA4.jpg

Do Outro Lado do Mundo

 

DO OUTRO LADO DO MUNDO

DOCUMENTÁRIO | ANGOLA | 2016 | 52 MIN

 REALIZAÇÃO Sérgio Afonso | PRODUÇÃO Tchiloia Lara | EDIÇÃO Kamy Lara 

cinema_dooutro_lado_mundo

SINOPSE

O documentário retrata duas histórias de amor, protagonizadas por duas mulheres de culturas diferentes.

A de Paulina, uma angolana do Bentiaba que conhece Johnny, um cidadão chinês que veio para Angola construir uma estrada que fica inacabada, e que deixa a Paulina dois filhos e a esperança de Agosto finalmente chegar.

A de Sofia, que chega a Angola com o seu marido, Inácio, ex-bolseiro angolano na China, deixando no seu país o filho de ambos. Inserida numa cultura diferente, com um nome “adaptado” para se mais fácil de pronunciar, 'Sofia' procura entender se a mudança não a separou demasiado de si própria.

As duas mulheres partilham a coragem e a ousadia de mudar o seu destino e quebrar barreiras culturais em prol da felicidade. O primeiro passo foi dado. O futuro é desconhecido.

 
 
 
 
 
 
 
 
 

EQUIPA & ELENCO

 
 
TCHILOIA LARA   PRODUTORA

TCHILOIA LARA PRODUTORA

SÉRGIO AFONSO  REALIZADOR + DIR. FOTOGRAFIA

SÉRGIO AFONSO REALIZADOR + DIR. FOTOGRAFIA

KAMY LARA  EDIÇÃO + ASSISTENTE DE REALIZAÇÃO

KAMY LARA EDIÇÃO + ASSISTENTE DE REALIZAÇÃO

 
 
 
 

SOBRE O "DO OUTRO LADO DO MUNDO", UM ENCONTRO ENTRE ANGOLA E CHINA

Do outro lado do mundo”, documentário com a realização a cargo de Rui Sérgio Afonso e ideia original de Ever Miranda, é o projecto vencedor do Concurso Nacional de Selecção do programa DOCTV CPLP II, em Angola, um filme que pretende falar das relações humanas contemporâneas derivadas do intercâmbio entre Angola e a China.

O documentário destaca especificamente as motivações pessoais de dois casais com realidades, nacionalidades e vivências diferentes, na busca da felicidade e de melhores condições de vida.

Paulina, Johnny, Inácio e Sofia falam de um jeito particular de amar, através de línguas e costumes muitas vezes contrastantes. Reflectem sobre a ausência, aquela sentida por alguém que se vai, e a que se pode instalar quando chegamos ao que nos é ainda estrangeiro.

Com 52 minutos, o documentário, com produção executiva de Tchiloia Lara e edição de Kamy Lara, será transmitido na Televisão Pública de Angola (TPA) em 2017, bem como nas diferentes televisões públicas dos países da CPLP, no âmbito dos objectivos dinamizadores do DOCTV CPLP II.

PRÉMIOS + FESTIVAIS

  • Melhor Documentário Afrika FilmFestival | Bélgica | 2018

MAKING OF

 
 
 

Copyright © 2017 Geração 80